segunda-feira, 10 de maio de 2021

QUANDO NÃO PASSAMOS DUMAS MARIONETAS...

 Ola


Acho que há quase 30 dias que não escrevia nada.

Na verdade, há momentos em que precisamos de silenciar, até para apreciar e analisar tudo e todos à nossa volta.

Nós inclusivé, aliás, os primeiros.

É do conhecimento de todos que sou facilitadora de cursos/formações de auto-conhecimento e desenvolvimento espiritual.

Faço-o há anos, inicialmente só para mulheres depois mais abrangente para mulheres e homens.

Achei eu, de dentro do meu ego, que essas formações iriam transformar a vida das pessoas como transformaram a minha.

Erro de palmatória cuja origem só pode estar num sitio: Ego! 




Quando me contactam a pedir ajuda porque estão com os relacionamentos arruinados e eu lembro que fizeram o curso de Relacionamentos Reais, uma grande parte, nem sabe onde colocou o manual para avivar a memória e lembrar-se sempre que as regras têm que ser aplicadas.

Outras (falo no feminino porque 99% dos meus cursos são frequentados por mulheres), lembra-se vagamente mas querem que lhes volte a falar de tudo.

Apreenderam alguma coisa, mas a que dava mais trabalho, deixaram cair.

Quando o caos aparece no relacionamento, então aí sim, lembra-se que realmente lá atrás houve qualquer coisa que aprenderam e que até fazia sentido.


Há dias soube de algumas (poucas felizmente), pessoas que fizeram comigo o curso completo de Anjos Inteligência Divina e que embora tenham na altura achado genial, muito rico, enalteceram a bagagem da formação e as potencialidades  até mesmo para uma vida mais livre, mais leve, mais profunda, mais plena, foi sol de pouca dura.

Agora, estão a viver um caos, um cansaço extremo, doenças (repetidas em alguns casos), sensação de abandono, de medo, de fobias...

E perguntei: "Então e o conhecimento angélico? As ferramentas que foram dadas aquando do curso e que fazem toda a diferença no nosso dia a dia e na nossa vida?"

Resposta: "Pois, esqueci! Usei durante uns tempos mas depois foi passando."




E o Ego ganhou!

Foi exactamente no momento que esqueceste de alimentar a alma, de acender a luz, de ligar à luz que o ego venceu.

Arrastou-te para um poço de medo, de cansaço, de desnorte, de caos absoluto. E estes conceitos evidenciam-se numa vida profissional caotica, numa vida familia triste, num isolamento doentio, num dia a dia que mais se assemelha à morte.

Sim, porque existem seres humanos mortos que continuam a viver.

Acordam | Levantam-se (penosamente)| Trabalham | Deitam e a vida pouco mais é do que esta roda sem energia, sem ânimo, sem alegria, sem agradecimento, sem luz.


Isto é uma forma de morte. Porque quem entra num padrão de repetição, quase looping, e todos os dias é a mesma coisa, da mesma forma com o mesmo ânimo, o que mais espera da vida que receber mais do mesmo?

É morte. Porque simplesmente não há vida. Somos marionetas.




E depois desesperamos, esgotamos, deprimimos, e perdemo-nos.

O Universo avisou. Deu-nos ferramentas. Deu-nos conhecimento. Deu-nos tudo para ficarmos na luz.

Mas o ego ganhou mais uma vez, e todas as desculpas são válidas para argumentarmos que : "não tive tempo, não me lembrei, não consegui, não sabia...."

Na verdade, era isto mesmo que estava previsto. E nós humanos nunca desiludimos, apesar de avisados, correspondemos sempre às expectativas da sombra.

E por isso nos encontramos em situações tremendas de dor e de sofrimento por opção própria e vitimização.

A boa notícia é que ainda estamos a tempo de sair desse registo

A má notícia é que terás que sair sozinha/o, porque o "infantário" acabou e o Universo está a exigir que sejas adulta/o e que assumas as tuas boas ou más escolhas.

Esse é o teu livre-arbitrio: o poder de escolher entre o bom e o mau.



Mais ainda, a filosofia ou a espiritualidade boa, é aquela que não dá muito trabalho....pensamos nós na nossa infantilidade...

Se ali ao fundo da rua houver um guru que diga que fala com extra-terrestres, que tem contactos do além e do aquém e que nos vai resolver todos os nossos problemas. É perfeito!Vem aí uma nave extraordinária que vai sanar tudo.....é para lá que vamos.

É o colo. É o mais simples, é aquilo que todos querem : Que haja alguém que lhe resolva os problemas.

Ainda ninguém percebeu que somos nós que temos de fazer esse trabalho.


Mas "os outros vão tratar disso." Dizemos nós os incautos na expectativa religiosa dum deus que trata de tudo e nós limitamo-nos a receber.

Até pode ser verdade.

Mas sem transformação não há espaço para receber.

Sem crescimento não há lugar para bençãos

Sem limpar a sujidade não há lugar para o novo.

Sem trabalho não há recebimento

Porque estamos no registo do pão da vergonha

Portanto o teu caos será proporcional à tua acção (a inacção faz parte do caos também).


Todos temos um propósito divino. Todos temos uma missão no mundo e nesta reencarnação, como tivemos noutras.

Mas na verdade nem todos vamos conseguir absorver o conhecimento e coloca-lo em prática com toda a responsabilidade que isso implica.

Porque aí é que está o problema: Ninguém quer ser responsável!

E a mudança implica muita responsabilidade!


Boa Entrada na Lua De Gemeos 11 de Maio

E que seja um ciclo de transformação na nossa vida!


Xi 💚


www.terapiasmulherholistica.com




terça-feira, 13 de abril de 2021

LUA NOVA DE TOURO | MÊS DE LUZ | MAIS UM CICLO DE TRANFORMAÇÃO

 Ola


Hoje, dia em que estou a escrever este artigo, entra a Lua Nova de Touro.

Os taurinos têm uma ligação muito forte com dinheiro, estabilidade, precisam disso. Mas com muita dificuldade...

Estamos nós, humanidade, não importa o signo, a passar pela maior instabilidade que há memória num estado "sem guerra".

O ano 2021 é o ano de transformar o impossível em possível.

Então se assim é, aguardamos porquê?


Porque ainda estamos agarrados a velhos hábitos de deixar nas mãos dos outros o nosso destino.

Achamos sempre que é um governo, um homem, uma mulher, um líder, um mestre, um sábio, que nos vai resolver os problemas.

Esse é o erro!


Tudo para nós são injustiças. Tudo são crimes sem perdão.

Touro, vai-nos exigir muito mais. Porque touro é lento mas quando investe nada o detém.

A humanidade está a necessitar de ver, que tem tanto para investir, tem tanto para limpar, e o tempo urge!

O síndroma de Calimero, de vitima, que nos assiste sempre, "ou outros são maus", "os outros são culpados", "os outros são corruptos", acabou.

Somos nós!

À nossa volta, os governantes que elegemos, os líderes em quem confiamos, os sistemas que alimentamos são o nosso reflexo.

Então tomos todos iguais aqueles que criticamos.

Era sabido que este ano era o inicio duma ERA que nunca voltará atrás. Aquário. E iremos estar nesta energia pelos próximos 2.000 anos. Que ninguém tenha ilusões.

O "infantário" da humanidade acabou. Temos de ser todos adultos. Assumidos. Corajosos. Responsáveis.



Acabou-se o recreio!


Se temos injustiças a nós o devemos, porque para isso contribuímos. 

Queremos um mundo melhor?

Então temos que fazer, cada um, um ser humano melhor.

Queremos um mundo digno, então cada um tem de ter dignidade.

Queremos um mundo justo, então temos que ser justos.


E assim começa o amadurecimento. Nada nos é facilitado. A nossa responsabilidade por tudo o que acontece é nosso.

Lamentar não chega! Agir.! Mudar! 



Outro desafio importantíssimo para este ano 2021 são os relacionamentos.

Já por si só, são realmente o maior desafio da humanidade.

Agora, mais do que nunca.

Touro, vai levantar ainda mais essa poeira.

Não adianta, mais uma vez, achar que somos vitimas dos nossos relacionamentos. Pelo contrário, somos os responsáveis por cada relacionamento da nossa vida, familiar, amoroso, profissional, social, etc.

Tudo são escolhas nossas, desta ou de outras vidas.

Portanto, não adianta lamentar, vitimizar-se....só temos que agir. Tomar decisões, assumir o que queremos e o que não queremos.

Sermos capazes de saber quem somos, o que viemos cá fazer, e o que estamos a fazer à nossa vida.




Partilho a imensa sabedoria duma kabbalista, Batsheva Shouster, sobre este ciclo que agora se inicia:


Quando nos referimos a este mês de Touro (ou Iyar em hebraico) como o mês de cura, significa que este mês contém uma infusão incomum da força da Luz. Iyar como um acrônimo significa “Eu sou Deus, Seu Curador”, significando que a energia de cura é despertada de dentro de nós. A cura é um estado de ser onde todos os elementos do nosso corpo estão unificados, trabalhando em equilíbrio juntos. É a unidade entre os órgãos do corpo, e a unidade entre o corpo e a alma.

Como podemos aproveitar essa energia deste mês?

O regente de Touro é Vênus, que está conectado ao mundo de Malchut, o mundo físico em que vivemos. É o planeta do amor e do dinheiro. Por isso, ele nos mostra como nos definimos socialmente, damos amor aos outros, como funcionamos nas relações e como valorizamos o dinheiro e a nós mesmos. Este mês, Vênus pode nos ajudar a equilibrar os relacionamentos em nossas vidas.

No início do mês, Vênus está no signo de Áries, o conquistador. Este signo é muito afetuoso e livre para amar e se expressar. Porém, eles não são tão cuidadosos ao gastar dinheiro. Ainda assim, sob a influência de Vênus, podemos aprender sobre o amor verdadeiro, como cuidar uns dos outros e como entender as necessidades dos outros. O amor tem a ver com unidade e circuito entre receber e compartilhar. Podemos chegar a compreender que os outros têm necessidades diferentes de nós.

Vênus começa o mês com uma quadratura precisa com Plutão, intensificando nossas emoções.

Este aspecto é uma oportunidade para observarmos a energia mental de nossas vidas amorosas e considerar como as abordamos. Tenho obstáculos internos contra os quais estou lutando? Eu me permito abrir meu coração? O que procuro em meus relacionamentos? Também podemos nos sentir mais dispostos a aprender sobre nós mesmos por meio de nossos desafios românticos.

Este é o momento perfeito para compreender a percepção que temos dos relacionamentos e alinhá-los antes que Vênus entre em Touro, seu regido, em 14 de abril. Então, em 22 de abril, ele entrará em conjunção com o rebelde Urano, que dará fim àquilo que não está em alinhamento com a Luz, à bondade humana, ao respeito e crescimento mútuo. Esta energia nos permitirá curar em todas as áreas conectadas ao amor e aos relacionamentos.

Assim como Vênus está para o amor, também está para o dinheiro. Sob a influência de Vênus em Áries, é mais provável que gastemos dinheiro. Mas com Plutão e Urano respirando em nossos pescoços com seu aspecto com Vênus, o universo está nos dizendo para verificar nossos sistemas de crenças e agir de acordo.

O que queremos fazer com essas informações? E qual é a coisa certa a fazer?

Bem, outro aspecto interessante é a quadratura entre Saturno em Aquário e Urano em Touro. Saturno trata de limites, regras, limitações e o que é certo e o que é errado. Por outro lado, Urano se trata de romper com todas as fronteiras. Isso cria tensão entre o que queremos e o que precisamos fazer. Para encontrar o equilíbrio, devemos perceber que há espaço para ambos. Às vezes, podemos escapar e relaxar, e às vezes precisamos assumir a responsabilidade. O importante para se lembrar é ser sempre verdadeiro sobre quem somos e qual é a nossa verdade.

Tanto Touro (já que estamos no mês de Touro, e Urano está em Touro) quanto Aquário são signos fixos que carregam muita teimosia. Tente ver a verdade nos outros (todos nós carregamos parte dessa verdade universal). É um bom momento para desfrutar da dança freestyle, do fluxo da ioga ou de qualquer coisa que o ajude a se mover livremente e permitir que a energia flua dentro de você. A estagnação pode criar obstáculos.

Com Júpiter e Saturno no social, inteligente e idealista Aquário e as habilidades inatas de Touro, podemos começar a considerar como podemos sair da caixa para tornar o mundo um lugar melhor. Em seguida, coloque isso em ação.

Tenham todos um ótimo mês!


Bom ciclo de touro

Boa lua nova

Boas conexões com alma

Boa caminhada


Xi 💙

www.terapiasmulherholistica.com




segunda-feira, 29 de março de 2021

Esta lua de Carneiro trás tanta coisa....e tantas oportunidades!!!

 Olá


Esta Lua de Carneiro/Aries trás tanta coisa que nós desconhecemos, que infelizmente e por ignorância perdemos imensas oportunidades de nos limparmos, conectarmos, e trazermos luz para a nossa vida e para o mundo.

Agora mais do que nunca, todos sabemos que o que mais precisamos é de luz. O mundo está num turbilhão tão grande, previsível, mas tão imenso, que nos leva a todos neste rodopio e não sabemos onde vamos parar.

São sempre assim as mudanças. Achamos que tudo vai desabar. Passados uns anos olhamos para trás e afinal, percebemos que tudo fez sentido e tudo teve uma verdadeira e divina razão de ser.

Mas como disse Mahatma Gandhi: "Muda em ti o que queres ver mudado no mundo", nós temos esta obrigação karmica para nosso bem e para os demais, de tomar consciência do que precisamos de mudar, de crescer, de transmutar.

Sem isso nada feito.





No último fim de semana terminamos um período que os cabalistas chamam de Pessach.

Agora entramos num outro chamado OMER.


O que OMER históricamente?



Assim explica a Torá o período do Omer – que, literalmente, significa medida – que se inicia na segunda noite de Pessach e estende-se até Shavuot. Segundo a Torá, no décimo sexto dia do mês de Nissan – ou seja, o segundo dia de Pessach – antes de iniciar a colheita dos seus campos, os judeus deveriam levar ao templo, uma oferenda dos novos grãos. E somente a partir desse dia, a colheita poderia ser totalmente utilizada. Após a data, iniciava-se, então, a contagem de 49 dias consecutivos até Shavuot, também chamada de Festa da Colheita de Trigo.

Com a destruição do Templo, não foi mais possível fazer a oferenda, mas a tradição de se contar os dias entre Pessach e Shavuot, conhecida como Sefirat Haomer, continuou sendo observada pelos judeus através dos séculos. A contagem deve ser sempre feita ao anoitecer, quando, segundo o calendário judaico, um novo dia começa. A Contagem do Omer tem início com a recitação de um Salmo e, em seguida, diz-se a prece do Omer, repetindo o número de dias nos quais esta vem sendo realizada, como mostra o exemplo: "Este dia completa vinte dias, que representam duas semanas e seis dias do Omer".

Os cabalistas consideram o período do Omer como um tempo de profunda preparação para o recebimento da Torá, ocorrido em Shavuot. Outros o consideram um período de penitência ou como um tempo para se preparar a mente para a Revelação no Monte Sinai. Os 49 dias do Omer são resultantes da multiplicação de sete vezes as sete sefirot, que representam os aspectos divinos e humanos da personalidade: hessed – amor; guevurá – força e julgamento, incluindo a raiva; tiferet – glória, orgulho e equilíbrio interior); netzá – triunfo e engrandecimento; hod – beleza; yessod – criação, incluindo energia sexual; malchut – realeza, autoridade e também o componente feminino na personalidade masculina).

Segundo a Cabalá, cada um desses sete elementos contém todos os demais, somando um total de 49 aspectos do humano e do divino. Em cada um dos dias da Contagem do Omer, os cabalistas procuram restaurar ou elevar dentro de si mesmos a combinação das sefirot que fazem parte daquele dia específico. Ou seja, no primeiro dia do Omer, concentram-se no conceito de hessed, amor, aprofundando-se no amor mais puro que a alma pode encontrar dentro de si mesma. No segundo dia, concentram-se em guevurá contida em hessed, ou seja, a raiva ou julgamento que existe naquilo que se ama; e assim por diante.

A época da Contagem do Omer é considerada também de luto, pois várias tragédias atingiram o povo judeu neste período, como por exemplo, a perseguição aos discípulos do Rabi Akiva, pelos romanos, durante o século II da era comum; ou a morte dos judeus durante as Cruzadas; e, mais recentemente, durante a Segunda Guerra Mundial, a destruição do Gueto de Varsóvia. Assim, casamentos e festas não são realizados neste período. A única exceção é feita no 33º dia do Omer, quando se festeja Lag Baomer, data na qual encerraram-se repentinamente as perseguições contra os seguidores do Rabi Akiva.

Morashá


Assim, sejamos nós judeus/hebreus ou não, todos temos estas oportunidades universais.

Não importa a religião. A religião não está aqui implícita. Está sim o conhecimento, a sabedoria e o que fazemos com ela.

Não importa se temos um credo, se somos agnosticistas ou ateus. Importa sim é como interpretamos os factos históricos | filosóficos | espirituais e como os adaptamos a nós e à nossa realidade.







Contagem do Omer: Semana 1

Semana 1 – Corrigindo a Sefira de Chesed

 

O Omer é uma maratona cósmica de limpeza. A Kabalah ensina-nos que durante estes 49 dias a seguir a Pesach, precisamos de ter muito cuidado em nos livrarmos de todas as influências negativas em todas as áreas da nossa vida. Após Pesach, começamos a antecipar Shavuot, a festividade seguinte e, na essência, a conclusão de Pesach, Pesach foi uma conexão grátis. 

O Omer, é o trabalho que desenvolvemos para merecer a Luz de Pesach e Shavuot. 

Limpamo-nos contando os dias do Omer até à chegada de Shavuot. 

O Omer é contado a partir da segunda noite de Pesach até à noite anterior a Shavuot. 

É melhor fazer a contagem após o anoitecer, no entanto podemos contar em qualquer momento ao longo da noite.

Ao longo destas sete semanas, temos a oportunidade de quebrar as klipot (cascas negativas) do interior do nosso ser, libertando a Luz que ficou aprisionada pelas nossas próprias escolhas. 

Sim, o processo pode ser doloroso. 

Mas os benefícios da libertação destas centelhas de Luz aprisionadas mais do que valem a pena.

Chesed (Arvore da vida)

Chesed, a mais expansiva das Sefirot, representa Misericórdia e situa-se abaixo de Chochmah na coluna da direita. Chesed, representa pura energia positiva, guarda a ainda indiferenciada semente de tudo o que aconteceu entre as três Sefirot superiores e uma vez que representa o total Desejo de Compartilhar, pode ser generosa em demasia. Todos já vimos Chesed a correr solta. É a pessoa que chora mais pelo criminoso do que pela sua vítima; é o homem pobre que ganha a lotaria e doa até ao último tostão da sua recente fortuna para a caridade, deixando a família indigente. Incontida, Chesed doa até doer – a quase toda a gente.  

Dia 1, Março 28-29, 2021 

A energia de hoje é Bondade-Amorosa em Bondade-Amorosa. Apenas por hoje e hoje apenas, expresse bondade sorrindo o dia todo, independentemente do que acontecer.

Dia 2, Março 29-30, 2021

Hoje a energia é Disciplina em Bondade-Amorosa. Então, só por hoje, substitua qualquer pensamento crítico por um pensamento de apreço.

Dia 3, Março 30-31, 2021

A energia de hoje é Harmonia em Bondade-Amorosa. Por hoje apenas, repare na beleza que está ao seu redor.

Dia 4, Março 31-1 Abril, 2021 

A energia de hoje é Resistência em Bondade-Amorosa. Hoje, vamos forçar-nos a fazer por alguém algo que apenas desejamos fazer por nós.

Dia 5, Abril 1-2, 2021 

A energia por hoje é Humildade em Bondade Amorosa. Hoje apenas, siga em vez de liderar. Veja o que é fazer algo que outro julga ser o certo.

Dia 6, Abril 2-3, 2021 

A energia de hoje é União em Bondade-Amorosa. Apenas hoje faça algo com aqlguém com quem normalmente não socializaria ou trabalharia.

Dia 7, Abril 3-4, 2021 

A energia de hoje é liderança em Bondade-Amorosa. Apenas por hoje, foque-se naquilo que adora fazer e faça-o por outra pessoa.

Kabbalah center 



Que este seja particularmente um ano, em que a manifestação de Luz por parte de cada um, ilumine o mundo inteiro.

Se noutros anos, mergulhamos no nosso egoismo e na nossa constante "falta de tempo", "vidas complicadas", "excesso de trabalho", este ano, essas desculpas ou outras que inventemos não podem ter razão de existir.

Não porque se evaporaram. Mas sim, porque o Universo nos colocou tantos desafios, e vai continuar a colocar, que a nossa consciência do momento, das atitudes, do nosso poder interno, da nossa força e sobretudo do nosso papel no mundo, tem de ser uma prioridade.


Aproveita este momento

Aproveita esta oportunidade que o Universo te está a dar

Aproveita este ano

Aproveita este OMER

Aproveita cada segundo


Um dia vais agradecer


Ama-te! Cuida-te! Respeita-te!

Xi 💚




segunda-feira, 8 de março de 2021

DIA DA MULHER | A NECESSIDADE DE AINDA HAVER ESTE DIA

 Ola


Logo eu, que me dedico a cursos e formações para o desenvolvimento e a auto-estima feminina, não poderia deixar passar este dia sem falar deste tema que me é particularmente caro.

Vou ser politicamente incorrecta, mas há pedradas que têm de ser dadas, e nunca de demiti de o fazer.

Enquanto houver necessidade de comemorar/lembrar/festejar o dia internacional da Mulher, muita trabalho há ainda por fazer.

Não há o dia internacional do homem. Está dado como assegurado que não necessitam.



Nós, mulheres não queremos ou não deveríamos querer nunca ser "iguais" aos homens. 

É uma falsa questão.

Nós somos nós!

Valemos por nós! Não necessitamos nem de comparações nem de competição.

Não é esse o objectivo.

Nós Mulheres queremos e é um direito, ter as mesmas oportunidades em tudo na vida:

Carreira, ensino, acesso ao conhecimento, saúde, casamento, opções, sexualidade, etc

Ou seja todos os direitos civis e humanos, isso sim, serem iguais para ambos os géneros. 

 E nisto há tanto a fazer quanto o que já foi feito.

Enquanto houver mulheres impedidas de aprender, mantidas na ignorância, sem opções de estado civil, sem escolha de assumir a sua sexualidade, sem direito a uma carreira, sem respeito pela sua decisão de querer ou não querer procriar, então temos ainda uma estrada sem fim para percorrer.




E sim, existem ainda milhões.

Por isso, não é dar voz às mulheres porque elas sempre tiveram voz. É permitir que essa voz seja ouvida por todos.

Enquanto a escravatura da moda, da beleza, dos padrões, ostracizar mulheres, seja em países ditos civilizados, muitos muros ainda teremos que derrubar.

Enquanto a idade duma mulher for determinante para ser ou não escolhida para certas actividades, muitas portas terão que ser derrubadas.

A resiliência e a esperança nunca morrem até que deixe de existir a última mulher.




E agora sim, vamos colocar o dedo onde dói mesmo: as religiões em geral têm muita da responsabilidade deste processo. Não falei de culpa. Falo sim de responsabilidade.

Desde que homens assumiram as religiões como império dos seus sentidos, que a mulher foi absolutamente colocada num plano inferior, pecadora, indigna...

Isto perpetuou-se no tempo e ainda tentam manter estas crenças ,como náufragos ,no atoleiro que criaram.

Nasci e cresci num país cristão. Laico, supostamente, mas católico acima de tudo.

A mulher sempre vista como a que se ajoelha, porque é indigna de se manter de pé. O homem que manda porque esse sim sabe sempre o que é melhor.

Isto é transversal a países sob domínio do Papado.


Não significa que nos outros países que se viram livres do domínio cristão não existam problemas gravíssimos a nível dos direitos humanos das mulheres. Mas convenhamos que em muito menor escala escala...

Excepção feita para os países, também religiosos, islâmicos, onde inclusivé houve, nos últimos tempos uma regressão enorme.

Não são cristãos, mas são islâmicos, e por conseguinte sob um jugo de homens que interpretam os livros sagrados à sua imagem e semelhança.







Tanta mentira, tanta má interpretação, dos livros sagrados...

Quando na verdade, aquilo que mais revelam é medo absoluto das mulheres.

È a única interpretação possível e passível de ser aceite, para mim, pois só se usa a arrogância e a prepotência quando não se é seguro, quando não se tem certezas, estrutura, verticalidade....

As armas mais baixas dum fraco são a arrogância e a prepotência para intimidar os outros e para que os outros não lhe vejam a fraqueza da qual se reveste.


Todas as religiões do mundo que colocam a mulher num patamar inferior ao do homem, que usam esse poder para manipular e destruir a condição feminina, são a deturpação completa das sagradas escrituras sejam elas quais forem.

Nenhum Deus, que criou a mulher e a fez dar à Luz seria tão esquizofrénico assim para criar um ser tão digno, capaz de criar vida, e tornar esse ser numa coisa medonha capaz da maior das repulsas.


Isto não pode sair dum Ser Divino. É impensável. Isto sai sim da mediocridade de alguns seres humanos que por medo de lhes ser exposta a acefalia que padecem, numa atitude cooperativista, assumem-se como superiores e dignos da verdade.


Chegou a hora, mais que hora, da sociedade tomar conta de si própria, da mulher assumir o seu papel no mundo. 

Nós não temos que mostrar nada. Nem demostrar. Não precisamos. Bastar SERMOS.

Porque na verdade, e todas as religiões/homens sabem disso, não há nada que se faça neste mundo em condições, que não tenha o parecer, a atitude, a presença duma mulher.

Isso é o que mais temem.

Basta olhar neste momento, e noutros também, para países governados por mulheres. 

Sabemos estabelecer prioridades. E as religiões nem sempre, (espero que nunca) sejam uma delas.



                                                        



Sou uma mulher de fé. Cada vez mais.

Mas não sou uma mulher de religiões, apesar de ter sido educada numa.

Vi a forma, o método (eficaz, diga-se), como as mulheres são mal tratadas dentro de algumas delas.

Por isso, se és MULHER e estás a ler este artigo, ELEVA A TUA VOZ, sem medo. 

SÊ MULHER! SÊ SIMPLESTEMENTE TU! 


E acima de tudo:


AMA-TE! CUIDA-TE! RESPEITA-TE!


Xi💙


www.terapiasmulherholistica.com


quarta-feira, 24 de fevereiro de 2021

PURIM : UM MOMENTO DO ANO DE ALEGRIA | DIA DE MUITA LUZ

 OLA


Os ocidentais sem qualquer ligação ao antigo testamento, comemoram por esta altura, mais para a frente ou mais para trás o carnaval.

Chamam-lhe festa pagã.

Na verdade não é tanto assim, o que aconteceu, foi que nos afastamos das nossas origens e como nada nos foi explicado assumimos o carnaval com outras designações mas nenhuma delas espiritual.

O podo hebreu festeja agora, dia 25 Fevereiro o PURIM . A festa de Purim é uma festa em que todos se mascaram (tal como no carnaval), festejam bebem, riem, dançam, vibram de energia e de alegria.





Os kabbalistas afirmam que Alegria e Felicidade são os efeitos colaterais de nos sentirmos completos, inteiros. 

Quando nos sentimos plenos e inteiros começamos imediatamente a sentir-nos felizes e vivemos com alegria. 

Mas como nos conectamos com esse estado de Perfeição?


Purim tem o poder de eliminar dúvidas em nossa consciência, que é a fonte de todo o caos.




Rav Berg dizia: "Se todos nós nos lembrássemos de que precisamos de outras pessoas e estivéssemos dispostos a ajudar todos os outros seres humanos, não haveria espaço para incertezas".

Esta lição espiritual é a essência de Purim.




“A  ESCURIDÃO NÃO PODE E

XISTIR NA PRESENÇA DA LUZ.”

Rav Berg sempre dizia: “A escuridão não pode existir na presença da Luz. Quando acendemos a luz em um lugar escuro, a escuridão desaparece. Eu não me importo para onde ela vai, contanto que ela vá”. Isso sempre me fez sorrir.

Nesta semana, o sol nasce em nossas vidas e somos capazes de andar na luz em vez de andar na escuridão. Se tentarmos e estivermos abertos para isso, poderemos nos mover pelo mundo com mais fé e certeza que nunca.




Apesar de toda a provação que estamos a passar, apesar da morte, doença, dor, crise, ainda não percebemos que onde houver luz não pode haver escuridão.

A doença, o caos, são ausência de Luz.

E mesmo pessoas ditas espiritualizadas, com conhecimentos capazes de entender todo este processo, muitas vezes vacilam. Temem. E com isso fazem mais escuridão.

A nossa alegria, a nossa gratidão, a nossa plenitude têm de ser diárias. Temos que fazer um esforço cada vez maior para nos sentirmos alegres e gratas/os todos os dias.





“PODEMOS NOS MOVER PELO MUNDO COM MAIS FÉ E CERTEZA QUE NUNCA.”

Muitas vezes, na vida, passamos por momentos em que sentimos medo. Mesmo nos vendo perdidos nas escuras florestas da vida, não é verdade que o Sol continua brilhando do outro lado do mundo? Não é verdade que, em momentos de desafio, existe uma bênção oculta e uma oportunidade? Mesmo que tropecemos na escuridão, podemos lembrar que o Sol, com certeza, nascerá de novo e nos mostrará o caminho.

A vida não é sempre fácil, mas existem soluções e maneiras para trazer a Luz necessária para nosso mundo. Como o Tabernáculo que abriga a Luz, se nos esforçarmos um pouco, nesta semana  também poderemos fazer as preparações finais para o nosso Tabernáculo interno. Como Aarão, nós também nos purificamos ao permitir que nossos corações sejam livres para amar, doar e se tornarem sagrados. karen Berg



Fevereiro de 2021 vem para limpar a confusão deixada após um janeiro turbulento!

A Lua Nova de Peixes caiu em 12 de fevereiro, em conjunção com Mercúrio e quadratura com Marte. Regido por Netuno, Peixes é talvez o signo mais enigmático do zodíaco. Com um pisciano, você nunca sabe realmente o que está acontecendo. Eles são elusivos e misteriosos, por isso é que se diz que Peixes e a 12ª casa governam o mundo invisível.

A porção desta semana de Tetzaveh sempre cai durante o mês de Peixes, com tantos segredos escondidos a ser revelados. É dito que nesta porção (que cai antes da energia de Purim), Moisés vem a cada um de nós e faz uma conexão espiritual enquanto planta uma faísca de sua alma dentro de nós.

Que conceito incrível e poderoso! Neste caso, quando discutimos sobre Moisés, não estamos falando apenas sobre o homem físico; estamos falando sobre o nível espiritual ao qual ele está conectado, o nível de certeza. Esse é um dos presentes ocultos da porção desta semana: a oportunidade de se conectar com a certeza absoluta, certeza além da lógica.

Como você sabe, seus pensamentos e sentimentos inconscientes determinam suas ações, e quanto mais você tem acesso à sua mente inconsciente (a certeza além da lógica), mais você entra em contato com o poder do universo. Como uma constelação, Peixes é representado por dois peixes nadando em direções opostas, mas ligados por um cordão que os mantém juntos. Isso representa o poder de nossa consciência: certeza versus dúvida.

O segundo conceito oculto nesta porção é a nossa necessidade de despertar a responsabilidade por nossas ações e pensamentos.

Nesta semana, é importante nos perguntarmos o que podemos fazer para aceitar mais responsabilidades, não apenas em nossas vidas, mas pelo mundo. Sem crescimento espiritual, não podemos alcançar o propósito para o qual viemos a este mundo. Marte em quadratura com a Lua Nova nos incitará a liberar comportamentos não saudáveis que não são produtivos ou úteis. É um momento de olhar atentamente para suas ações, como a forma como você se afirma no mundo.

Também temos Mercúrio em conjunção com a Lua.

Assim como a Lua tem ciclos, Mercúrio também tem ciclos. Se as Luas Novas (Lua em conjunção com o Sol) são ótimas para começar algo novo que você pode concluir em um mês, os ciclos de Mercúrio são ótimos para iniciar projetos que você pode concluir em um período de quatro meses. Com Peixes, suas emoções serão profundas – muito profundas. Peixes pedirá que você deixe de lado tudo o que é superficial, manipulador ou egocêntrico e adote valores atemporais, tais como verdade, honestidade e integridade. Com certeza e responsabilidade, as dádivas únicas da porção desta semana, podemos elevar nossa consciência para despertar o verdadeiro desejo dentro de nós.

Ruth Namias



Mesmo que não estudes kabbalah, mesmo que não tenhas grandes conhecimentos da luz espiritual da Kabbalah, podes sempre festejar o teu Purim.

A idade não é limitante para nada. Muito menos para ser feliz ou estar feliz ou sentir felicidade.

Todas as idades, todos os momentos todos os segundos da nossa vida devem ser vividos com a maior alegria que o instante nos puder proporcionar.




Ama-te! Cuida-te! Respeita-te!


xi 💚

www.terapiasmulherholistica.com


segunda-feira, 8 de fevereiro de 2021

FEVEREIRO 10/11/12 E 13 GRANDE ALINHAMENTO CÓSMICO + LUA NOVA DE PEIXES

 OLA


Que estamos em mudança já sabemos, ou vamos tomando conhecimento, seja de que forma for.

Que as previsões astrológicas são um desfile completo de novos eventos e alinhamentos, também começa a ser lugar comum.

Pois este mês, Fevereiro, não foge à regra. Tinhamos e temo  a lua nova de Peixes, será dia 13, mas temos antes desse evento, um outro magnifico: Alinhamento da Terra com vários planetas.




"O alinhamento, como fenômeno de agrupamento planetário numa mesma região do céu, do ponto de vista geocêntrico (observação da Terra), costuma ser um modelo de interesse de estudo tanto para a Astronomia como para a Astrologia.


Para a Astronomia, mera paisagem contemplativa, mas para a Astrologia (e as antigas ciências não materialistas) uma fonte de grande energia gerada nas regiões envolvendo signos e outras coordenadas, como estrelas e constelações próximas.

Esses agrupamentos costumam produzir mesmo muitos impactos planetários na forma de atividade sísmica e vulcânica, além de distúrbios no campo magnético, no clima, nas emissões de energia solar, etc.

Eclipses também são potenciais fenômenos de aumento de energia no sistema solar em função do mesmo conceito dos alinhamentos.

Alinhamentos são cíclicos, e esta onda de alinhamentos está se repetindo em função da proximidade entre Júpiter e Saturno. Desde dezembro ela acontece, mas em fevereiro, um novo arranjo se formará. Em dezembro, ocorreu a conjunção exata Jupiter e Saturno, e em função dela, esses novos arranjos têm se repetido, e gerado tanta turbulência na Terra.




Este novo alinhamento está a acontecer agora por causa da proximidade entre Júpiter e Saturno, que leva 20 anos para se repetir, fora o arranjo dos outros planetas envolvidos, e o objeto misterioso em cena, o P 7X, sempre gerando grande energia.

Eles são sempre imprevisíveis, mas uma coisa é certa: mesmo que a ciência moderna 3D não consiga estabelecer as relações de causa-efeito do fenômeno, ele é absolutamente real e facilmente comprovável por qualquer modelo estatístico.

Isso significa que, dias ou mesmo semanas antes e depois de um agrupamento deste tipo, a Terra sentirá as energias em circulação com efeitos imprevisíveis mas constatáveis.

O próximo evento de grande magnitude será em 11 de fevereiro, quando a Lua entrar na fase Nova.

O último agrupamento aconteceu na Lua nova anterior, 13 de janeiro, e temos visto um mês turbulento, com muitos vulcões ativos e fortes terremotos com poder de destruição.

O agrupamento do dia 11 de fevereiro será, do referencial de observação da Terra, do tipo fila indiana, colocando a Terra na trajetória das oscilações gravitacionais do fenômeno, exatamente como acontece em maré alta, virando os barcos e causando estragos na praia.

O jovem e sábio astrólogo prodígio da Índia, Abhigya Anand, também passou os seus olhos nessa rara e poderosa configuração de fevereiro, e observou “seis estrelas” (planetas, na linguagem astrológica) no dia 10, mas na verdade, serão “nove estrelas” no dia seguinte, 11 de fevereiro, a configurar o grande cenário de poder cósmico.




A concentração de planetas será tão grande que OITO astros/planetas estarão dentro de um ângulo celeste de cerca de 16 graus (na ordem, Saturno, Jupiter, P7X, Vênus, Mercurio, Sol, Lua, Terra), com Plutão pouca coisa fora da linha.

E esse grupo planetário estará em quadradura (ângulo reto) com Marte- Urano unidos do outro lado.
São tensões gravitacionais muito fortes.



Olhando no céu, quando a Lua se alinhar com o Sol na fase nova, veremos um grupo de nove astros reunidos numa mesma constelação, Capricórnio, o que, para a Astrologia, equivale ao signo de Aquário (o efeito da Precessão dos Equinócios).

Logo acima, o famoso Triângulo de Verão, formado pelas brilhantes estrelas alfa das constelações do Cisne, da Águia e da Lira. O Triângulo como sinal indicador.

Fazia tempo que um agrupamento desse tipo não acontecia. Um destes ocorreu há 20 anos, em Touro, quando Júpiter e Saturno se reuniram com os planetas da mesma forma.

Como vemos, será uma época de poderosa energia gerada no sistema solar, repercutindo em tudo, no Sol e na Terra, e seus primeiros efeitos já começarão a partir deste mês, quando a Lua cheia fizer oposição a todo esse acúmulo planetário, nos dias 27 e 28 de janeiro.

Os primeiros disparos da energia começarão aqui.

As energias que temos sentido agora procedem do último agrupamento, dia 13 de janeiro, Lua nova.


Mas este será ainda mais forte do que aquele."

 in:Tô no Cosmos



Não há planeta B na verdade!

A Terra é um planeta-escola. Todos viemos cá para aprender, evoluir, sair do karma que carregamos, transmutar e transcender tudo o que trouxemos.

Temos que aproveitar o momento para o fazer. Não desperdicem 1 momento que seja, por muita dor que cause, para transmutar karma, limpar energia, sair da zona de conforto. 

Temos uma missão: Evoluir | Mudar | Elevar a nossa consciência.

Não haverá vacinas, nem pastilhas, nem solução mágica para nada nem para ninguém, enquanto a nossa energia não ficar mais elevada, a nossa consciência ficar mais activa e as nossa atitudes o demonstrarem.

O mundo é o nosso reflexo. O que vês fora de ti é o que tens de mudar dentro de ti. 

Mais nada!


Abraço de Luz

Coragem!

Ama-te! Cuida-te! Respeita-te!

💚






sexta-feira, 15 de janeiro de 2021

LUA NOVA DE AQUÁRIO | PREVISÕES ASTROLÓGICAS | FACTOS HISTÓRICOS

 Ola


Mais um ciclo que o Universo nos oferece. Desta vez regido pela lua de Aquário.

Partilho como tento fazer todos os meses, a opinião e a sabedoria kabbalistica no que diz respeito à lua nova e a factos históricos bíblicos importantes e interessantes para nos situarmos no espaço e no tempo.

A vida é feito de ciclos, a história também.




"Há uma bela secção do Midrash, dos antigos kabalistas de milhares de anos atrás, onde eles falam sobre uma conversa que aconteceu na época da criação do mês de Aquário, ou Shevat.

Portanto, a cada Lua Nova de Aquário, a energia e a Luz desta conversa são despertadas novamente.

Está escrito que o anjo que está encarregado da energia que vai jorrar a cada mês se volta para o Criador, enquanto o Criador está se aprontando para preparar a fonte de Luz e bênçãos para o mês de Aquário, e pergunta: “Que Luz especial e dádiva que você está criando para o mundo neste mês?” O Criador responde: “Estou preparando um balde”. Este balde representa a energia do mês de Aquário. E o segredo desse balde de água é o verso: “Eu derramarei sobre ti águas puras”.

A maioria de nós sabe que, quando viemos a este mundo, há um grande stock de Luz potencial, bênçãos, consciência, percepção e conhecimento que vem connosco. Mas, por meio de acções de egoísmo e do Desejo de Receber Somente para Si Mesmo, turvamos as águas. Fazemos com que nossa consciência e conexão com a vida pura se tornem turvas e, portanto, obscuras. Por que tantas vezes na vida estamos tentando tomar uma decisão, tentando entender que direção tomar e não temos certeza? De onde vem a falta de clareza? A resposta é muito simples.




Sim, potencialmente, temos uma conexão direta através da nossa consciência com a Luz do Criador, o que torna todas as coisas claras e remove todas as dúvidas e confusão. Mas, por meio de uma colecção de acções do Desejo de Receber Somente para Si Mesmo, tornamos a água turva. Tornamos nossa consciência turva e essa é a fonte de toda a confusão que existe em nossas vidas. Essa é a fonte de todas as dúvidas e da falta de clareza que temos em nossas vidas.

Sabemos que há momentos de trabalho e há momentos de dádivas e, embora precisemos trabalhar todos os meses por essa dádiva, recebemos um presente neste mês de Aquário; como o Criador diz ao anjo, é a dádiva de derramar a Luz da purificação, para assim purificar a consciência e a conexão. Portanto, ao fazermos a conexão com este mês, queremos ter uma consciência mais clara. E sabemos que, por causa das ações de egoísmo e Desejo de Receber Somente para Si Mesmo que fizemos, turvamos essas águas. Para esse propósito, chegamos a este mês, ao balde que o Criador está literalmente derramando sobre nós, e para o qual está sendo criado para cada um de nós individualmente.

O Criador derrama água sobre nós, sobre as áreas nas quais há falta de clareza ou águas turvas.

O Criador derramará águas purificadoras sobre cada indivíduo que despertar seu desejo e consciência ao longo deste mês; não águas físicas, mas águas espirituais, Luz espiritual, purificação.

No início do mês de Aquário, esta nova Luz está sendo criada, e é individual, o que significa que cada um de nós tem um certo nível de confusão e falta de clareza, e a retirada de toda a lama que causa essa dúvida, falta de clareza e confusão, podem ser mudados pela avassaladora torrente de Luz que é derramada sobre cada um de nós individualmente – e sobre o mundo coletivamente – no início do mês de Aquário e durante todo ele.

Portanto, a consciência que queremos ter certeza de despertar no início de Aquário, e manter por todo o mês, é da grande dádiva da Luz de purificação das águas do Criador. Precisamos meditar e visualizar essas águas que purificam nossa consciência e conexão, caindo sobre nós neste mês de Shevat."

Michael Berg


Previsões astrológicas:

"Aquário está aqui, e neste ano ele está grande e soa alto e claro!

Aquário é o rebelde do zodíaco. A energia do signo de Aquário é conhecida por ser imprevisível, grandiosa, única e fora da caixa, o que é potencialmente libertador para todos.

Já experimentamos a forte energia de Aquário durante o final de 2020, quando o evento cósmico histórico da Grande Conjunção ocorreu. Os planetas Júpiter e Saturno, que são a força motriz dos poderes socioeconômicos deste mundo, entraram no signo de Aquário juntos em dezembro de 2020! (Um evento que também aconteceu há 800 anos!)

Agora, como o mês de Aquário está chegando e na próxima semana o Sol entrará no signo de Aquário, estaremos submersos em uma influência energética aquariana no mês todo. Neste mês é hora de tomar algumas decisões. Ficará muito claro para todos que precisaremos escolher de que lado queremos estar.




Aquário nos empurra para a liberdade e liberação, o que parece muito tentador, mas ao mesmo tempo requer uma mente forte e uma certeza absoluta. Devemos saber que quando as coisas não acontecem do nosso jeito ou não seguem um curso previsível, elas irão ocorrer da melhor forma. Ainda estamos seguros nas mãos da Força da Luz do Criador.

A luta contra o Oponente é muito forte, principalmente no início do mês, quando Mercúrio, Saturno e Júpiter (em Aquário) formam um aspecto desafiador para os planetas rebeldes e fortes, Marte e Urano (em Touro). Este cenário cósmico pode acender um fogo dentro de cada um de nós para consertarmos todos os erros, nos desenraizarmos de quaisquer influências negativas de autoridade, endireitarmos as coisas e lutarmos por nossos direitos e pelos direitos dos outros.

Se você se encontrar no meio de algum conflito ou revolução, lembre-se de que a verdadeira luta é aquela que travamos contra nosso Oponente!

O perigo deste mês é ser arrastado por grandes ideias, grandes ações e pelo desejo de transformar completamente nossa realidade a todo custo. A verdadeira revolução é conectar-se mais profundamente aos outros e à Força de Luz do Criador. Não tenha medo de fazer parte de uma revolução, mesmo que o resultado não seja claro.

Saiba de onde você está vindo, conecte-se à sua bússola interna e lembre-se de que o verdadeiro Oponente não está nas pessoas e nas ideias ao seu redor; está dentro de cada um de nós, tentando nos distrair de mudar e evoluir espiritualmente.

Há alguns outros contratempos neste mês, quando Marte e Urano estão no signo de Touro desafiando muitos planetas em Aquário. A energia de Touro pode parecer aquela que normalmente busca paz, harmonia e estabilidade. Mas com esse aspecto severo, Touro pode mostrar seu lado radical, e devemos ficar atentos ao perigo que este lado representa.

O desejo de controlar ou liderar situações em uma direção que pensamos ser mais segura e protegida — mesmo que seja contra a vontade dos outros — é o que queremos principalmente prestar atenção e evitar o máximo que pudermos. “Controle” pode ser um aspecto de canalização na segunda semana deste mês. Portanto, é melhor nos atermos aos aspectos mais livres e desapegados do signo de Aquário.

À medida que avançamos em direção à segunda metade do mês, Vênus, o planeta da paz e harmonia, passa perto de muitos dos planetas principais — primeiro Plutão em Capricórnio e depois Saturno e Júpiter em Aquário. Esta pode definitivamente ser uma força estabilizadora, apoiando nosso mundo a atravessar qualquer turbulência e conflito potencial que possamos experimentar neste momento, enquanto nos impulsiona para a estabilidade e para a diplomacia em muitos aspectos.




Uma última coisa a ter em mente é que, em 30 de janeiro, Mercúrio em Aquário ficará retrógrado e direcionará nossa energia para examinarmos qualquer drama, tensão ou conflito que possamos ter experimentado nas últimas semanas. Observe em quais aspectos de sua vida você está escolhendo desapegar e ser um agente livre. O mês de Aquário nos dá a oportunidade de fazermos a diferença e influenciarmos o nosso meio de uma forma significativa. Mas, ao mesmo tempo, pode desafiar nossa capacidade de nos conectarmos com outras pessoas em um nível mais pessoal e íntimo. Aproveite a vantagem de Mercúrio retrógrado para observar onde precisa fortalecer seus relacionamentos pessoais; tente não permitir que seus grandes envolvimentos e que suas grandes ideias afastem você das pessoas mais importantes de sua vida."

Miriam Ashkenazi


Boa lua de aquário

Boa conexão

Até breve

Xi 💙